Siil Halal parabeniza o MAPA por confraternização com o governo federal

Siil Halal parabeniza o MAPA por confraternização com o governo federal

Chaiboun Darwiche, CEO da Siil Halal, vê com bons olhos o resultado do jantar organizado pelo MAPA para autoridades dos países árabes e islâmicos.

Agro & Etc

abril 11, 2019

0

Presente no jantar organizado pelo Ministério de Agricultura e Pecuária no dia 10 de abril, na CNA, Confederação Nacional da Agricultura, em Brasília, o CEO da Siil Halal, Chaiboun Darwiche, analisou a ação positivamente. O evento foi promovido visando diminuir o desconforto gerado entre países árabes e o Governo Federal, por ocasião da visita do presidente Jair Bolsonaro a Israel, em março. “Esse esforço para a quebra de gelo com árabes e mulçumanos tem a ver com o lastro comercial construído há muitos anos pela indústria agroalimentar nacional. Em 2018, dos US$ 101,7 bilhões exportados em produtos agropecuários, US$ 16,4 bi tiveram como destino os países islâmicos, colocando-os na terceira posição do ranking de importadores de produtos brasileiros. Portanto, era mais que necessário este contato com o chefe de Estado e seus líderes”, analisa Darwiche.

Na ocasião nomes importantes do Governo e membros ligados à agropecuária fizeram questão de participar do jantar. Compareceram o presidente da República, Jair Messias Bolsonaro; a ministra do MAPA, Tereza Cristina; o ministro de Relações Exteriores (MRE), Ernesto Araújo; o presidente da CNA, João Martins, e o embaixador palestino, Ibrahim Alzeben.

Durante o jantar Bolsonaro deixou claro que o Brasil está aberto a todos os países sem exceção e declarou o desejo de que “esses laços comerciais cada vez mais se transformem em laços de amizade, de respeito e fraternidade”. Além disso, anunciou que pretende, em breve, visitar os países árabes.

Tereza Cristina fez questão de destacar aspectos históricos e culturais que marcam a relação entre o Brasil e o mundo árabe, tal como a fé muçulmana. “O Brasil continuará cada vez mais firme na determinação de ser amigo de todos os países e o papel do MAPA é fortalecer, além da amizade, os negócios com a agropecuária brasileira com os grandes parceiros, tais como os países da liga árabe”, afirmou em discurso.

Para Chaiboun Darwiche, as palavras tanto de Bolsonaro quanto de Tereza Cristina trazem tranquilidade para a indústria agroalimentar nacional. “Com isso poderemos dar continuidade ao sério trabalho realizado pelo agronegócio brasileiro. Esse é o primeiro passo para encerrar essa situação desconfortável que havia ficado. Tive a oportunidade de me aproximar do presidente e ministra que foram muito solícitos com as nossas demandas”, declarou o CEO da Siil Halal.

A Siil Halal é uma empresa especializada em serviço de inspeção islâmica que atua como certificadora Halal. O trabalho inicia desde o projeto da linha de produção até a embalagem de produtos permitidos para consumo islâmico, assim como na fiscalização dentro das normas e regras ditadas pelo Alcorão Sagrado e pela Jurisprudência Islâmica.

(Fonte: assessoria de imprensa da Siil Hala. Foto: Alan Santos/PR)

0 Comentários